Sale!
ISBN: 9788574069692

Ei, você!: Um livro sobre crescer com orgulho de ser negro

SINOPSE

Um livro ilustrado emocionante que homenageia e celebra a vida de todas as crianças negras.

A partir de uma prosa delicada e de ilustrações feitas por dezenove artistas diferentes, este livro celebra a vida e o crescimento das crianças negras de todo o mundo, apontando caminhos de esperança para o futuro e empoderando uma nova geração de sonhadores.

Com ilustrações de Dapo Adeola, Alyissa Johnson, Sharee Miller, Jade Orlando, Diane Ewen, Reggie Brown, Lhaiza Morena, Onyinye Iwu, Chanté Timothy, Gladys Jose, Bex Glendining, Joelle Avelino, Dunni Mustapha, Nicole Miles, Charlot Kristensen, Kingsley Nebechi, Camilla Sucre, Derick Brooks, Jobe Anderson, Selom Sunu

Livro indicado para leitores a partir de 4 anos.

 18.30 PORTES GRÁTIS

2 em estoque (pode ser encomendado)

Comparar

Descrição

DETALHES DO PRODUTO:

Editora ‏ : ‎ Companhia das Letrinhas; 1ª edição (24 setembro 2021)
Idioma ‏ : ‎ Português
Capa dura ‏ : ‎ 56 páginas
ISBN-10 ‏ : ‎ 8574069698
ISBN-13 ‏ : ‎ 978-8574069692
Idade de leitura ‏ : ‎ 4 – 5 anos
Dimensões ‏ : ‎ 20.3 x 0.9 x 27.6 cm

Informação adicional

Autor: Dapo Adeola

DAPO ADEOLA é britânico com raízes nigerianas, e trabalha tanto com ilustração quanto design. Quando ele não está ocupado inventando novos personagens e aventuras, você pode encontrar Dapo realizando workshops de ilustração e design de personagens com crianças ou organizando eventos para ajudar a destacar as possibilidades de uma carreira em ilustração para membros sub-representados da diáspora negra.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Ei, você!: Um livro sobre crescer com orgulho de ser negro”

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode gostar de…

A Menina que nasceu sem cor

 21.80 PORTES GRÁTIS

SINOPSE

Que cor tem uma menina filha de um pai negro como o céu estrelado de uma noite de verão e de uma mãe branca como a lua cheia? Midria não sabia, por isso sempre se sentiu uma menina sem cor. Pesquisando suas origens, porém, ela percorreu um longo caminho para enfim entender quem é. Esta obra nasceu de um poema de Midria, uma menina que cresceu cercada de livros e poesia na Zona Leste de São Paulo. Influenciada por suas professoras e pelas amizades que fez em um sarau no seu bairro, hoje Midria estuda Ciências Sociais e é poeta. O livro foi ilustrado por Ana Teixeira, artista visual e também escritora. As duas se conheceram numa performance de Midria, quando Ana, encantada com o poema, convidou a poeta para transformar o texto em um livro infantil. Depois, Joe (o designer Joelson Bugila) foi convidado para desenhar o livro com elas, juntando o texto da Midria com as ilustrações da Ana. A menina que nasceu sem cor foi escrito para registrar os caminhos que fizeram a menina se entender como negra e reivindicar a potência de suas raízes, de seu cabelo, de seu povo. Com este livro, Midria espera que mais crianças que nasceram como ela possam se sentir potentes e pertencentes ao mundo desde pequenas.